Padre pediu coragem na luta por direitos


O padre Luiz Paulo Soares pediu a Deus que dê bastante coragem para as pessoas lutarem por seus direitos. Ele reafirmou que a Igreja Católica não defende partido político, mas é solidária com os trabalhadores neste processo de reformas trabalhista e da previdência. Frisou que ”Jesus foi um preso político. E morreu por causa do sistema político-opressor da época”. Salientou que “partir do pão de Jesus é ser solidário com o irmão”. Segundo o sacerdote, o que falta para a população é o conhecimento. “Quando se fala em reforma a gente imagina que é para melhorar.” - disse. “Mas o que o governo está propondo é para deixar a situação pior.” - acrescentou. Ele criticou a cultura do individualismo onde as pessoas não se preocupam com a situação e com os direitos dos outros. “Cada um quer garantir apenas o seu lado, não liga para o irmão e a irmã.” - completou.

Edição da Semana
Edição da Semana
Procurar por Tags
Nenhum tag.
Siga o Jornal A Cidade
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black

    Gostou da leitura? Então compartilhe

© 2023 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com