Missas por cura e libertação superlotam templo na Vila Marília


Missas por cura e libertação na Minibasílica de Nossa Senhora Aparecida, na Vila Marília, atraem muitos católicos de todas as regiões da cidade de Barretos. A igreja localizada no centro da Praça Emílio José Pinto não comporta a quantidade de fiéis durante o ato litúrgico. Muitas pessoas ficam para fora do templo. Sinais da superlotação do edifício de rito religioso também podem ser estimados pela quantidade de veículos estacionados nas imediações.

As celebrações “especiais” acontecem mensalmente e é presidida pelo padre Davis Pedott e duram em média duas horas e meia. A próxima celebração será o “Cerco de Jericó” e está marcada para acontecer entre os dias 24 a 30 de julho a partir das 19h30 com missas, adorações, confissões e pregações.

AS CELEBRAÇÕES

A celebração religiosa é realizada para relembrar a chegada do povo de Israel à terra prometida, conforme narrado em uma passagem bíblica. As cerimônias religiosas são realizadas no interior do templo, com exceção da celebração de encerramento no dia 30 de julho que será realizada na praça e espera reunir pelo menos 2.500 fiéis. Cerca de 60 voluntários auxiliam na organização e atividades de infraestrutura durante o Cerco de Jericó.

Edição da Semana
Edição da Semana
Procurar por Tags
Nenhum tag.
Siga o Jornal A Cidade
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black

    Gostou da leitura? Então compartilhe

© 2023 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com