Fundação Pio XII assume gestão da UPA de Barretos nesta sexta-feira, dia 10


A prefeitura da Estância Turística de Barretos, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, anunciou na última segunda-feira, dia 6, que a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) passará a ser administrada pela Fundação Pio XII, a partir das 0h desta sexta-feira, dia 10.

Com o melhor projeto em estrutura de atendimento e menor valor para a prestação do serviço, a fundação, que é a mantenedora do Hospital do Amor, venceu a licitação que contou com a participação de três empresas. O contrato no valor mensal de R$ 985 mil tem duração de 12 meses e é renovável por até 60 meses.

A familiaridade da Fundação Pio XII com o sistema público de saúde de Barretos foi ressaltada pela prefeita Paula Lemos. “Eu tenho certeza de que a qualidade do atendimento na UPA será muito melhor tendo a Fundação Pio XII como gestora. Uma entidade que conhece a realidade de Barretos e já está integrada ao sistema público de saúde. Vínhamos enfrentando sérios problemas com o contrato anterior, principalmente com a falta de médicos”, disse a chefe do Executivo.

O presidente do Conselho de Curadores da Fundação Pio XII, Henrique Prata, destacou os bons resultados na administração da Santa Casa de Misericórdia e das Unidades Básicas de Saúde assumidas anteriormente pela instituição, e explicou que o andamento da UPA impacta diretamente no funcionamento do hospital.

“Todo esse serviço interfere muito na Santa Casa, então, agora a gente vai ter uma harmonia entre os serviços, começando por uma equipe que assumiu a responsabilidade de ter realmente 24 horas de médicos de especialidades naquele ambiente”, afirmou Prata.

O coordenador de equipes da UPA, Leonardo de Paula Almeida, anunciou também que a unidade de pronto atendimento contará com sete médicos fixos e terá como foco o atendimento humanizado, integrando a rede de saúde de Barretos.

“Tem que ter esse olhar especial de não só atuar naquele momento, mas em como ele vai continuar a ser cuidado. Eu acho que se a gente atingir isso vai resolver muitos problemas aqui na cidade”, destacou Leonardo Almeida.

Infraestrutura e quadro de colaboradores

Com a nova administração, o quadro de colaboradores da UPA 24h passará de 89 para 113 funcionários, um aumento significativo de 27%, ampliando o número de enfermeiros, técnicos de enfermagem, copeiros e médicos.

Parte dos recursos também será aplicada na manutenção da infraestrutura da unidade, proporcionando humanização e agilidade no atendimento.

“Nós estamos colocando mais uma escala médica de 24h para poder reduzir o tempo de atendimento e proporcionar mais qualidade e acolhimento. A gestão da Paula Lemos se preocupa muito com a humanização, a população será atendida com mais carinho, melhor direcionamento e atendimento personalizado”, explicou o secretário municipal de Saúde, Kleber Rosa.

Os vereadores Carlão do Basquete, Eduardo do Mercado, Juninho Bandeira e Dr. Chafei também participaram da coletiva.

Edição da Semana
Edição da Semana
Procurar por Tags
Nenhum tag.
Siga o Jornal A Cidade
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black